A importância do PTT para o seu provedor

Compartilhe:

Os PTT’s (Pontos de Troca de Tráfego) possuem extrema importância para os provedores de internet. Afinal, são eles os pilares fundamentais para garantir uma conexão segura, com velocidade e estabilidade. E no artigo de hoje, vamos falar sobre os detalhes deste recurso tão útil.
Primeiramente, para que se entenda melhor o funcionamento de um PTT, é preciso entender o funcionamento de um HUB. Ele é basicamente um ponto central, a partir do qual saem várias ligações que vão a diferentes localidades, e estas servem de pontos centrais para outras linhas, dando continuidade, sucessivamente.

Como funciona um PTT

Os PTTs atuam, em resumo, como HUBs, possibilitando conexões entre os servidores de provedores, facilitando o tráfego na rede. No Brasil, por exemplo, é utilizado o NIC.br (Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto
Br) gerindo o PTT.br, que é um projeto de PTTs locais para facilitar o fluxo de informações e conteúdo online para provedores de internet. Dessa forma, quanto maior e melhor um PTT, melhor a qualidade de trocas de dados para os provedores de internet.
No geral, um PTT serve como um ponto mais concentrado de fluxo de informações dentro da gigantesca rede da internet. Dentro dessa grande rede, que cobre praticamente todo o globo terrestre, há HUBs de tamanho considerável que possuem grande quantidade informações e HUBs menores para facilitar toda essa troca de dados.
Com todos esses recursos que promovem a descentralização, redundância e abundância de interconexões, a internet fica livre de possuir apenas um ponto crítico. Por outro lado, há um grande custo gerado com as conexões diretas entre servidores. Sendo assim, os PTTs tornam-se grandes aliados dos servidores no espaço de interconexão, concentrando e distribuindo dados locais.

PTT’s no Brasil

O sistema no Brasil é conhecido como PTT.br ou IX, que é um projeto administrado pelo Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), responsável pelo gerenciamento dos PTTs instalados em várias regiões metropolitanas e outros centros regionais do país, somando um total de mais de 30 pontos.

Vantagens

Confira agora quais são as vantagens de utilizar PTTs em seu provedor de internet:

Menor custo: quando você se conecta a um PTT, há uma redução no impacto sobre o trânsito de dados. Através disso, é gerada uma economia na troca de pares e mais velocidade de conexão direta com outros provedores;

Trocas comerciais: como há a possibilidade de venda de conexões para outros provedores, também é gerada uma melhora na qualidade de prestadores de serviços de menor alcance que não estão no escopo do PTT.br;

Segurança: com mais rotas disponíveis, há menos possibilidades de perda de dados durante o tráfego.
Além disso tudo, os PTTs no Brasil seguem as propostas do Marco Civil da Internet que incluem a neutralidade, qualidade, custo acessível, alta disponibilidade, matriz de troca de tráfego regional única.

Sem dúvidas, PTT’s possuem grande importância para todo o setor de Tecnologia da Informação e Telecomunicações, agilizando processos e tornando a web mais segura e eficiente. Se você possui interesse por mais temas relacionados à internet, equipamentos e gestão para provedores de internet, confira nosso blog!

...